Aceda à área de sócios

Comida saudável, descanso correto

Descubra os alimentos que o ajudarão a descansar

  • 15
  • MAR

A alimentação, fundamental para um descanso correto

Regras nutricionais para que nada estrague o seu descanso

Um bom descanso tem um papel importantíssimo no nosso bem-estar e bom funcionamento. Quando damos ao nosso corpo o descanso de que necessita, a nossa capacidade intelectual e o nosso estado de espírito melhoram e os nossos reflexos aumentam.

Porém, quando as nossas horas de sono diminuem, estes aspetos pioram e ocorrem desequilíbrios nos ritmos circadianos. Estes ritmos são condutas que seguem um ciclo diário, marcam o horário das nossas refeições, da rotina de trabalho, do desporto e da hora de dormir.

Estas dicas são básicas para conseguir um descanso de qualidade: 

  • Manter um horário regular para nos levantarmos e irmos para a cama.
  • Praticar exercício físico no horário habitual.
  • Não fazer um uso excessivo de aparelhos eletrónicos que emitem grande quantidade de luz direta para os olhos antes de irmos dormir.
  • Usar técnicas de relaxamento se tivermos dificuldade em conciliar o sono.

Quanto à nossa alimentação, devemos evitar os jantares copiosos ou altamente temperados, que favorecem a acidez e dificultam a digestão, assim como alimentos que contenham nutrientes estimulantes como açúcar, cacau, chá, café ou álcool.

O ideal é escolher preparações simples a vapor ou na grelha e incluir alimentos que favoreçam o sono e o descanso nas horas anteriores a irmos para a cama. Continue a ler se quiser saber mais sobre estes alimentos:

  • Frutas, cereja e banana: As cerejas são uma fruta rica em melatonina. Podemos comer frescas, em batido, ou até dessecadas e sem açúcar adicionado quando não for a época delas. A banana, pelo seu teor em hidratos de carbono e fibra, sacia-nos e aporta-nos minerais como potássio, magnésio e triptófano. 

 

  • Cereais integrais como a aveia. Tem vitaminas do grupo B, que favorecem um aumento dos níveis de melatonina. Além disso, a aveia é uma fonte de fibra solúvel, o que favorece a saciedade ao ingeri-la em pequenas quantidades.

 

  •  Frutos secos. As nozes são ricas em ácidos gordos saudáveis, proteína vegetal de alta qualidade, fibra e minerais como o magnésio. Aumentam a concentração de melatonina ao ingeri-las e, graças ao seu teor em antioxidantes, favorecem a nossa capacidade para combater o stress oxidativo. Pode inclui-las na sua alimentação como lanche ou snack rápido. 

 

  • Lácteos: O leite é rico em cálcio, fósforo, magnésio e vitaminas do grupo B, A e D. Além disso, entre os seus aminoácidos, encontra-se o triptófano. Todos estes nutrientes intervêm na regulação do sono. Se o beber quente, favorecerá ainda mais a indução ao sono e ao relaxamento.

 

  • Legumes, como as ervilhas. O interesse nutricional deste alimento deve-se ao seu teor em fibra e à sua procedência vegetal. Por ser um alimento saciante, permite-nos ingerir um prato médio sem sentirmos necessidade de repetir. 

 

  • Ovo. O ovo é um alimento de alta riqueza proteica. Contém todos os grupos de vitaminas, exceto a C, e micronutrientes como fósforo, zinco, ferro e iodo. É recomendável acompanhá-lo com uma fonte de verduras para aumentar a quantidade de fibra do prato.

 

  • Infusões relaxantes. São as que contêm valeriana, erva-cidreira, lavanda, passiflora… Reduzem a ansiedade, melhoram a qualidade do sono e têm propriedades diuréticas.

As necessidades de sono de cada pessoa variam, embora uma média de 7 a 8 horas seja suficiente para conseguir um bom descanso. Alimentação e descanso andam de mãos dadas, se tivermos uma alimentação saudável, isto favorecerá um sono reparador. Por outro lado, um descanso suficiente ajuda-nos e motiva-nos a alimentarmo-nos melhor e treinar de forma mais eficiente.

Viva mais e melhor com o GO fit!

 

Publicado por:
  • Comer Bem
  • Descansa ativo
Relacionadas

Error