Aceda à área de sócios

Desporto e alimentação, algo inseparável

A nossa alimentação diária deve estar de acordo com a nossa prática desportiva. Nem todos temos os mesmos hábitos alimentares saudáveis e nesse sentido os nossos especialistas em nutrição dão-nos a chave essencial para sabermos o que devemos comer antes e após o treino.

  • 24
  • NOV

Que e quando comer antes e após treinar

Comer determinados alimentos antes de fazer exercício físico, tomar bebidas isotónicas apenas duas horas após o exercício e optar por alimentos ricos em Omega 3, são segundo os especialistas em nutrição do GO fit, algumas das chaves para alcançar bons resultados após a atividade física.

Por muito desporto que se pratique, se não se fizer uma alimentação correta, não se consegue atingir os objetivos desejados. Durante a prática desportiva queima-se e necessita-se de certos nutrientes que só se conseguem através de determinados alimentos. Por essa razão, para além de evitar comer gorduras e açúcar, deve-se tentar ingerir, antes, durante e após o treino, os alimentos corretos em função das necessidades de cada momento.

O treino físico estimula o nosso corpo a melhorar a sua condição, tanto em força como em resistência, flexibilidade e equilíbrio. Além disso, a alimentação fornece ao nosso organismo os nutrientes necessários para que essa melhoria seja possível. Proteínas, vitaminas e minerais são os responsáveis por fornecer energia e moldar um sem fim de processos metabólicos. Para isso, os nossos especialistas em nutrição dão-nos as chaves sobre o que comer antes e após a prática desportiva para que se atinja o máximo rendimento.

  • Antes do treino: Recomenda-se que coma hidratos de carbono de absorção lenta e que se evite comer demasiada proteína e gordura antes de praticar exercício físico, porque estes alimentos produzem uma digestão lenta o que poderá causar indisposição. Por exemplo, uma sandes de pão integral, queijo fresco e uma peça de fruta, ou um iogurte magro com cereais integrais e uma maçã assada, ou mesmo uma barra energética com pouca gordura e com fibras.
  • Durante o treino: bebidas e géis energéticos com hidratos de carbono que nos diminua a fadiga e que sejam de fácil absorção. O recomendável é ir bebendo em pequenas quantidades e a cada 15 minutos, quer se tenha ou não sede, pois desta forma o nosso organismo estará sempre hidratado, conseguindo diminuir o cansaço.  
  • Após o treino: Convém hidratar-nos de novo e ingerir algo onde esteja presente sobretudo hidratos de carbono e proteínas e ainda um pouco de verdura ou salada. Por exemplo, um prato de messa com um pouco de carne, acompanhado de molho de tomate y um pouco de salada, junto com uma peça de fruta, pode ser, segundo os especialistas em nutrição do GO fit, uma boa opção como menu de recuperação.
Publicado por:

Error