Aceda à área de sócios

Novas tendências em alimentação

Coma de forma saudável e esqueça a dieta

  • 21
  • MAR

Dicas para ter hábitos saudáveis e esquecer a dieta

Descubra a dieta do bioma.

Está sempre a pensar em qual é a dieta que mais lhe convém? Nós queremos recomendar-lhe uma: a que não se faz. Bons hábitos de alimentação saudável acompanhados de exercício físico regrado são suficientes para cuidar da sua saúde sem necessidade de fazer dieta.

O segredo está em saber organizar-se para cozinhar e para fazer a lista das compras. Há muitos menus saudáveis e apetecíveis que lhe permitirão desfrutar das suas refeições sem ter que pensar em restrições. A equipa de nutrição do GO fit dá-lhe conselhos que o ajudarão a melhorar o seu estado nutricional sem renunciar ao prazer de comer:

  • Elabore os seus menus da semana e, com base neles, faça a sua lista das compras.
  • Encontre um dia por semana para cozinhar os seus menus saudáveis. Lembre-se que se pode desfrutar muito da comida saudável usando a imaginação.
  • Utilize o método do prato para fazer almoços e jantares equilibrados. Metade do prato com verduras e hortaliças, um quarto com cereais integrais e o outro quarto do prato proteínas saudáveis.
  • Mantenha uma boa despensa.
  • Cebola, alho e tomate como base de qualquer guisado ou refogado.
  • Pimenta preta, pimentão, curcuma, orégão, salsa e manjericão dão muito sabor aos nossos pratos e evitará utilizar o sal.
  • Frascos de grão-de-bico, feijões e lentilhas. Faça saladas como lentilhas com pimento vermelho, tomate, cebola ou pratos rápidos como grão-de-bico com ovo mexido e cogumelos.
  • Amêndoas, avelãs e nozes cruas. São uma fonte de proteína vegetal e fibra. Utilize-as como sobremesa, ao pequeno-almoço, em saladas, etc.
  • Compre alimentos frescos, locais e da estação. Se cumprirem estes requisitos, garantirá que conterão nutrientes essenciais e serão ótimos para consumo.

 

MOOD FOOD

Esta nova tendência promove a felicidade de comer de forma saudável escolhendo alimentos que produzem serotonina e oxitocina, conhecida como a hormona do bem-estar. Para fazer parte desta tendência, tem que:

  • Comer legumes, pão e massa integral, arroz integral e batata arrefecida e voltar a aquecer para que os seus açúcares sejam assimilados mais devagar. Estes alimentos mantê-lo-ão com uma energia constante e, assim, evitará quebras.
  • Ingerir proteína, pelo menos, 2 vezes por dia. A proteína favorece a produção de neurotransmissores para que o seu cérebro funcione corretamente.
  • Comer alimentos ricos em triptófano. Este é precursor da serotonina (hormona do bem-estar) como, por exemplo: chocolate puro, banana, ananás, chili, entre outros.

Evite os alimentos que fazem mal à sua saúde e o desanimam, como os ultraprocessados: alimentos com muito açúcar e farinhas refinadas (sumos embalados, pastelaria industrial, doces, etc.). Evite os alimentos ricos em gorduras saturadas ou trans (pré-cozinhados, hambúrgueres preparados, pizzas, batatas fritas embaladas…).

 

A DIETA DO BIOMA

A dieta do Bioma baseia-se em consumir alimentos de origem vegetal que favoreçam aos micro-organismos que se encontram no aparelho digestivo, como: o café, o chá, o chocolate preto ou cacau puro magro, pão integral, muita fruta, hortaliças e legumes.

Viu-se que existe uma relação direta entre o que come e o seu estado de espírito, pois os micro-organismos que estão na flora intestinal estão ligados ao bom funcionamento do cérebro.

Estes micro-organismos segregam substâncias que regulam o seu estado emocional, por exemplo, os lactobacillus e bifidobacterium estimulam a produção de GABA (ácido gama aminobutírico) que é um neurotransmissor inibidor que regula a ansiedade e favorece a calma e tranquilidade. Ter níveis de GABA baixos está relacionado com transtornos de ansiedade, insónias e depressão. Portanto, um nível bom de GABA contribui para a sua felicidade.

Diversos estudos expõem o papel crucial dos micróbios intestinais. Um desajuste na microbiota poderá desencadear obesidade e doenças autoimunes. Observou-se que, se durante uma semana se alimentar com junk food, 40% das bactérias boas desaparecerão.

A forma de restaurar estas bactérias benéficas no seu intestino é com uma boa nutrição de fibra, pré-bióticos e probióticos:

  • Fibra vegetal: linhaça, cânhamo, farelo de trigo, farelo de aveia, frutos secos naturais.
  • Os probióticos: iogurte, no quefir, nos lácteos fermentados, chá kombucha, etc.
  • Os pré-bióticos: estão em bananas, cebolas, alhos, alho-porro, espargos, cevada, centeio, cereais integrais, etc.

 

O cientista Ed Yong fala assim da nossa microbiota: “Os micro-organismos bons protegem-nos de doenças matando micróbios perigosos, ajudam-nos a digerir os nossos alimentos, libertando nutrientes. Produzem vitaminas e minerais que faltam na nossa dieta. Decompõem toxinas. Educam o nosso sistema imunitário, ensinando-o a distinguir o amigo do inimigo. Influenciam o desenvolvimento do sistema nervoso e talvez até o nosso comportamento”.

 

Cuidando do seu corpo por dentro, viverá mais e melhor!

Publicado por:
  • Melancia
  • Nutrição
  • receitas
Relacionadas

Error