Aceda à área de sócios

Dicas nutricionais para o proteger das altas temperaturas

Que o calor não seja um problema, o verão precisa de si a 100%!

  • 12
  • JUL

Desfrute de um verão sem preocupações!

Dê à sua alimentação a importância que tem, também no verão.

Com o verão, chegam as temperaturas altas. Tem de ter em conta que a sua alimentação é fundamental para poder combater os efeitos de um termómetro que não para de subir e das suas possíveis complicações, como a desidratação ou os picos de calor.

Neste sentido, é importante saber que alimentos ou preparações podem ajudá-lo a tornar esta estação mais suportável, especialmente no caso dos grupos mais sensíveis a esta época do ano: as crianças e os idosos.

De seguida, deixamos-lhe alguns conselhos muito simples que podem tornar a alimentação no seu grande aliado contra o calor:

 

  1. Inclua alimentos cujo principal ingrediente seja água

Frutas e verduras, preferencialmente nacionais e da estação: melão, melancia, cereja ou pepino.

Os pratos coloridos e cheios de vegetais são um aliado perfeito para ter uma alimentação equilibrada e o mais variada possível.

 

  1. Ninguém gosta de passar calor entre panelas e fogões, opte por preparações frias

As saladas completas, cremes, hummus ou gaspacho são opções ideais para incluir alimentos de todos os grupos no mesmo prato completo e nutritivo.

 

  1. Inclua condimentos, temperos e molhos ligeiros

Ajudá-lo-ão a fazer preparações mais amenas e variadas sem as tornar pesadas, como molho de iogurte, mostarda em grão ou vinagreta de cítricos.

 

  1. Não espere por ter sede para beber água

Ajude com opções variadas como infusões frias ou preparados de água com fruta (morangos, limão, folhas de menta ou hortelã).

É especialmente importante ter em conta a hidratação se fizer exercício físico, pois fica exposto ao sol por longos períodos. Além disso, é preciso estar especialmente atento se estiver acompanhado de crianças e idosos, pois podem ter o reflexo da sede diminuído ou não ter consciência da necessidade de se hidratarem de forma continuada.

 

  1. Prepare gelados caseiros sem açúcares adicionados

São um snack ideal entre refeições, ajudam a ingerir fruta de forma mais tranquila e ainda são muito refrescantes. Só tem de congelar fruta (banana, frutos vermelhos, etc.) e batê-la com iogurte, queijo fresco ou iogurte de soja. Pode juntar uma colherzinha de mel se quiser adoçá-los um pouco mais e já tem um gelado caseiro, saudável e facílimo pronto.

 

  1. Evite as refeições copiosas

Opte por pequenas refeições mais ligeiras que o ajudem a facilitar o processo digestivo, a manter um bom estado de hidratação e a continuar as suas atividades sem se sentir fatigado.

 

  1. Aumente o consumo de peixe em vez de carne

O seu teor de água é maior e as preparações costumam ser mais ligeiras. Além disso, no caso do peixe azul, o seu teor de ómega 3 favorece a circulação melhorando os típicos problemas de retenção de líquidos e sensação de peso de pernas no verão.

 

  1. Aumente o consumo de alimentos ricos em antioxidantes

Especialmente com uma concentração elevada de vitamina C como cítricos, pepino ou tomate. Por estar mais exposta ao sol, a nossa pele pode secar, ressentir-se ou até escamar. Embora a proteção solar seja fundamental nesta época, uma alimentação rica nesta vitamina pode ajudá-lo a favorecer a regeneração celular. Além disso, evitará sofrer das tradicionais constipações devido às mudanças bruscas de temperatura.

 

Uma boa alimentação pode fazer muito pela sua saúde. O verão precisa de si a 100%!

Publicado por:
  • Comer Bem
  • Nutrição
  • nutricionista
  • Saúde
Relacionadas

Error